Apresentações Finais

CC

CC apresenta-se como acrónimo de Cartão de Cidadão. Documento identificativo, que nos torna cidadãos, que nos legitima enquanto pessoas reais.

Mas quem somos? Quem sou eu? O que é que me define enquanto ser humano, enquanto pessoa individual? É um documento, a roupa que visto, é a conjugação das minhas acções ao longo do tempo ou são as memórias que deixamos perpetuadas através do outro? Quem é ou quem são esses outros?

Procuramos a vida toda (re)conhecer-nos ao espelho, afirmamos a nossa identidade e orgulhamo-nos da nossa impressão digital única. Guardamos segredos.

Mas o que é que nos define verdadeiramente? Somos humanos imperfeitos como a nossa própria condição nos impõe. Não somos sempre maus nem sempre bons, cometemos erros, choramos e fazemos chorar. Mas no fundo todos procuramos o mesmo. Todos almejamos encontrar a felicidade pura e fazê-la perdurar no tempo, tanto tempo quanto tempo temos. Ou ainda nos resta……


adaptação livre da peça “Auto-Acusação” de Peter Handke

Direcção: Jaime C. Soares   

Alunos/Intérpretes: Catarina Pinto, Diana Guerra de Paiva, Emília Silva, Fritz Mende, Isabel Cruz, Lina Pereira, Márcia Santos, Miriam Penha, Ricardo Tecedeiro, Rui Oliveira e Sónia Mendes

 Fotografia de Ensaio: Sara Figueiredo

20 e 21 de Julho
22h00

© 2017 NAPALM. All Rights Reserved. Powered by mixtura ®